Quando ouvir rock pode te ensinar algo sobre marketing

São tantas as coisas que fazemos e nem nos damos conta a quantidades de mensagens que são enviadas a nós o tempo todo. Pare para ouvir um clássico rock, como por exemplo, Pink Floyd e, reflita isso na sua carreira, na sua área de trabalho…parece uma viagem no início, mas logo notará um monte de coincidências e dicas que fazem todo sentido. A verdade é que muitas coisas podem nos ensinar marketing!

Já que estamos falando de rock, aposto que você já viu o clipe Another Brick on the Wall, da banda Pink Floyd. Não? Confere que vale a pena e depois continuamos essa conversa… 😉

Continue lendo “Quando ouvir rock pode te ensinar algo sobre marketing”

O que você vai fazer se os robôs dominarem o mundo?

A cada dia, mais máquinas e robôs são construídos para dar velocidade e automatizar atividades que fazem parte da rotina de trabalho de todos nós. Alguns profissionais já se preocupam com a extinção de suas atividades e outros já começaram a pensar em como transformar essa nova realidade em alguma coisa boa pra suas carreiras.

Mesmo sabendo que o avanço tecnológico visa automatizar processos e dar velocidade ao mercado, sabemos que nesse contexto há ainda um grande problema para a humanidade: o tempo. Continue lendo “O que você vai fazer se os robôs dominarem o mundo?”

Saber perguntar é para poucas pessoas

Não é novidade para ninguém o quanto é importante saber ouvir. Mas, na correria do dia-a-dia, prestar atenção no outro e saber perguntar também não é tarefa fácil. Por isso, essa habilidade tem sido cada vez mais valorizada no mercado de trabalho.

Nesse contexto, a necessidade de mentoring (ou mentoria) também tem ganhado espaço dentro das organizações. Ser um mentor ou ter acesso a um mentor dentro da empresa proporciona uma grande oportunidade de crescimento para todos os envolvidos.

Continue lendo “Saber perguntar é para poucas pessoas”

content-is-king

O que você não pode esquecer ao produzir conteúdo

O conteúdo utilizado como estratégia de Marketing não é algo que surgiu com a internet. No entanto, o crescimento da web potencializou a criação de conteúdo de uma forma nunca vista antes.

De acordo com a pesquisa da Custom Content Council and ContentWise, “Staffing and Compensation Study: How Organizations Staff Their Content Marketing Endeavors” (Estudo de Compensação e Trabalho: Como organizações investem no Marketing de Conteúdo – tradução livre), a contratação de funcionários dedicados em tempo integral ao conteúdo cresceu 148% entre 2000 e 2012. Nesse mesmo período, o aumento salarial desses profissionais foi de 214%. Continue lendo “O que você não pode esquecer ao produzir conteúdo”

Marketing Sensorial

Marketing Sensorial – explorando todos os sentidos

Marketing sensorial explorando todos os sentidos para conectar-se com o público – você pode até achar que não sabe o que é, mas com certeza já deve ter vivenciado isso na pele. Esse é um tipo de marketing que utiliza uma abordagem – como o próprio nome já diz – sensorial, baseando-se nos cinco sentidos humanos para criar conexão com o público. Quando você entra em um estabelecimento e a música que está tocando faz você se sentir bem, quando o cheirinho que vem da loja de perfume faz você querer entrar, ou quando aquela foto linda de uma torta de chocolate lhe dá fome na hora. Tudo isso é Marketing Sensorial. Leia mais!

Voice Branding

Voice Branding – sua voz é a sua marca

Achei que ninguém melhor para explicar o que é o Voice Branding do que essa personagem de Friends:

A voz estridente de Janice é a marca registrada dela. Mas você não precisa ter um jargão irritante (OH MY GOD!) para ser reconhecido por sua voz. Mesmo inconscientemente, o jeito como falamos mostra muito nossa personalidade e até nossas habilidades. Você pode passar a imagem de uma pessoa autoritária, com maior conhecimento, com menos ou mais credibilidade, tudo de acordo com a forma como impõe o som da sua voz. É o que garante o especialista no assunto Julian Treasure, em sua palestra no TED “Como falar de forma que as pessoas queiram ouvir”. Leia mais!

marketingistodare

Marketing – além da ferramenta, a inovação

Você sabia que a joaninha (aquele bichinho fofinho) é uma das melhores “armas” naturais para acabar com os pulgões? Isso porque as joaninhas são os maiores predadores dessa praga que invade muitas plantações. Porém, não vá achando que as joaninhas podem ajudar a eliminar os pulgões das plantas aí da sua varanda. Elas preferem um ambiente maior e mais baixo. A varanda em si não proporciona o ecossistema ideal para que a “mágica” da natureza aconteça. E o que isso tem a ver com o marketing? Tudo!

Porque a joaninha que outra marca utilizou pode não acabar com os pulgões aí de sua empresa. Traduzindo: não é uma ferramenta sozinha que vai fazer o marketing dar resultados. Quando for pensar em estratégias de marketing, pense, primeiro, na sua realidade para que, assim, possa encontrar o ecossistema ideal onde determinadas ferramentas realmente irão funcionar. Leia mais!

As principais Tendências de Marketing para 2016

Esse não é só mais um Ctrl+C e Ctrl+V de todos os demais posts sobre tendências de Marketing que você tem lido por aí. Ele é totalmente baseado em minhas próprias experiências e observações do mercado. Aliás, a própria pesquisa que fiz para esse texto me forneceu grandes insights sobre tendências de Marketing. Mas, calma, vou contar essa história do início: Continue lendo “As principais Tendências de Marketing para 2016”

Engenharia e marketing, um casamento perfeito

Dia 9 de setembro, quinta-feira, foi o dia de estrear com os futuros Engenheiros Automotivos da UFSC em Joinville (SC). Em torno de 20 alunos integram a equipe do Fórmula CEM, que representa a universidade na maior competição estudantil do mundo, a Fórmula SAE Brasil, um desafio que consiste em desenvolver um projeto de veículo do tipo fórmula. A equipe foi a minha procura por acreditar que Engenharia e marketing formam um casamento perfeito, bacana né?
Continue lendo “Engenharia e marketing, um casamento perfeito”